▸ AGENDAMENTO DE CONSULTAS E EXAMES

“A Medicina Funcional visa, como seu nome indica, avaliar o estado funcional dos diferentes sistemas de cada indivíduo”, de acordo com o Dr. Jae K. Cho, médico especialista em Nutrologia, Medicina Esportiva e Fisiologia do Exercício,  Acupuntura e em Prática Ortomolecular, que atende no IMMI. 

Segundo o especialista, um dos problemas que ele observa no mundo moderno é o fato de as pessoas ainda precisarem procurar por um especialista a cada queixa ou alteração de sua saúde. Ou seja, ao sentir muita dor de cabeça, por exemplo, a pessoa tende a procurar um neurologista e apenas este especialista. Para tanto, este problema (dores na cabeça) pode ser sintoma de uma outra patologia que não se requer um diagnóstico do neurologista. 

“Obviamente, o especialista é necessário porque há pacientes com alterações mais específicas e raras onde a ajuda do especialista é fundamental. Um exemplo típico é aquele paciente obeso, diabético, hipertenso, dislipidêmico (alteração do perfil lipídico), onde provavelmente terá que procurar um monte de especialistas e cada um terá que prescrever os medicamentos de cada especialidade”, explicou Dr. Jae.

A partir do ponto de vista da Medicina Funcional, esse paciente deveria, então, ser orientado a uma “terapia” de reeducação alimentar e a praticar atividade física regular. Provavelmente, só com essas mudanças, muitas das alterações supracitadas  poderiam ser melhoradas sem a necessidade de receitar medicamentos.
“Claro que não estou afirmando que as pessoas não precisem de medicamentos. Em muitos casos são necessários sim. Porém, uma abordagem inicial, com uma visão integrativa e preventiva, é essencial”, explicou o médico.

Medicina Funcional na prática

Dr. Jae nos alerta que, muitas vezes, o profissional da saúde confunde níveis no sangue com a função correta dele. “Por exemplo, eu posso ter um nível de ácido fólico com níveis dentro do normal, porém ela pode não estar funcionando de forma adequada, por vários motivos”, explicitou.

Para que essa interpretação de uma condição clínica do paciente não seja equivocada ou parcial,  existem exames chamados funcionais que tem como objetivo avaliar a função correta dos elementos que participam das diferentes reações no organismo. Infelizmente, muitos destes elementos não aparecem nos exames de sangue ou de urina de rotina.

Para quem é indicada essa abordagem?

Todas as pessoas deveriam passar por uma avaliação funcional, sem deixar de lado os exames de sangue e de urina que rotineiramente são solicitados por médicos. Mas a avaliação funcional auxiliará o especialista a analisar o metabolismo individual e conhecer a estado funcional de cada pessoa.

“É muito comum encontrar pacientes com os exames de rotina normais mas com um quadro de muitas queixas, onde o especialista não consegue adequar o tratamento porque justamente é importante conhecer a alteração funcional de cada paciente. Sempre é bom lembrar que nem sempre exames dentro dos níveis de referência reflete uma ótima saúde”, explica Dr. Jae. 

 Em seu atendimento, Dr. Jae K. Cho não dispensa uma avaliação funcional, começando por uma anamnese, uma avaliação clínica inicial e uma avaliação da composição corporal através da bioimpedância. O profissional solicita exame que identifica os ácidos orgânicos na urina, onde demonstra a função dos diferentes sistemas já citados anteriormente. A amostra enviada para os Estados Unidos para uma análise mais detalhada sobre o perfil específico de cada indivíduo.

“Geralmente, trabalho junto com uma nutricionista funcional que me auxilia para orientação da reeducação alimentar de cada paciente”, complementou o médico. 

Sobre Dr. Jae K. Cho
CRM 125906

» Médico no setor de diagnósticos em cardiologia na empresa Diagnósticos da América (DASA)
» Especialização em Nutrologia pela Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN)
» Especialização em Medicina Esportiva e Fisiologia do Exercício pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
» Especialização em Acupuntura pela Associação Médica Brasileira de Acupuntura (AMBA)
» Pós-graduação em Prática Ortomolecular pela Fundação de Apoio à Pesquisa e Estudo na Área da Saúde (FAPES)
» Pós-graduação em Bioquímica e Metabolismo pelo Instituto Health Metrix
» Pós-graduação em Bioquímica pela Universidade Paulista (UNIP)

Atendimento
Rua Vieira Fazenda · 56, Vila Mariana,  CEP 04117-030, São Paulo · SP
Telefone:  +55 11 5082-4031 |  +55 11 99606-7099 (whatsapp)
E-mail:  contato@institutoimmi.com

O Instituto IMMI realiza atendimento de segunda à sexta-feira, das 8h às 20h.